Prefeito Silvany solicita empréstimo de mais de 2 milhões de reais


Foto: Reprodução

O prefeito de Manoel Vitorino encaminhou para câmara de vereador o projeto de lei nº 564 onde solicita autorização para fazer empréstimo em nome do município de Manoel Vitorino no valor de R$ 2.200.000,00 (Dois milhões e duzentos mil reais). O prefeito usará o dinheiro no seu último ano de gestão, que será o ano de eleição, deixando à dívida do empréstimo para ser pago pelo município após o término do seu mandato, com um ano de carência à dívida correrá à juros de mais 5,5% ao ano e deverá ser paga pelos contribuintes no prazo de até 10 anos.

O proposta agora depende da aprovação na Câmara de Vereadores de Manoel Vitorino, os vereadores se reunirão ainda nesta sexta-feira dia 27/12/2019, antes do ano novo, para votar a proposta do prefeito. Num momento em que vemos que esses gestores mal conseguem cumprir com o pagamento de suas folhas salariais, causando uma grande frustração de expectativas. Será que os vereadores vão aprovar a proposta do prefeito antes do final deste ano, deixando o município ainda mais endividado, como presente de ano novo para a população?

PT quer emplacar Jaques Wagner como líder no Senado


Foto: Matheus Simoni/Metropress

O PT está tentando tornar Jaques Wagner líder da bancada do partido no Senado no ano que vem, no lugar de Paulo Rocha. As informações são da coluna do jornalista Guilherme Amado, no O Globo.

O acordo, entretanto, desde o começo do ano, é que o líder em 2020 seja Rogério Carvalho. Segundo a publicação, a troca seria um afago a Wagner, que ficou irritado com o fato de não ter sido alçado à Executiva Nacional.

‘Evidentemente que foi um erro’, diz Weintraub após mensagem sobre traição de Bolsonaro


Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, publicou uma mensagem para justificar ter compartilhado uma mensagem que dizia que o presidente Jair Bolsonaro traiu o ministro Sergio Moro e o povo brasileiro.

“Estou em viagem, em um navio, com internet intermitente. Fico horas sem internet. Dei RT sem querer em um post. Evidentemente que foi um erro”, escreveu ele, no Twitter.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, respondeu à publicação: “Tranquilo. Já fiz bem pior. Muuuuuito pior! Nem sei no que o senhor deu RT, mas eu já curti uma foto do Lula… Na praia… Saindo da água”.

A publicação que foi feita por engano ontem, conforme Weintraub, foi apagada em seguida pelo ministro. Bolsonaro sancionou o projeto anticrime e manteve a criação da figura de um juiz de garantias, item que era criticado por Moro. Do Metro1

Moro diz que decreto de Bolsonaro substituiu ‘indulto salva-ladrão’ de governos anteriores


Foto: Agência Brasil

O ministro da Justiça, Sergio Moro, escreveu em suas redes sociais hoje (24) que o decreto de Jair Bolsonaro que perdoa crimes culposos cometidos por agentes de segurança substitui “indultos salva-ladrões ou salva-corrupto” de governos anteriores.

O texto, publicado no Diário Oficial da União nesta terça, estabelece indulto a policiais e outros agentes de segurança que tenham praticado crimes culposos — ou seja, aqueles em que a Justiça entendeu não ter havido intenção dolosa de cometê-los—, além de presos com doenças terminais.

“Em substituição aos generosos indultos salva-ladrões ou salva-corruptos dos anos anteriores, o Governo do PR @jairbolsonaro concedeu indulto humanitário a presos com doenças terminais e indulto específico a policiais condenados por crimes NÃO INTENCIONAIS”, escreveu Moro, destacando o último trecho em letras maiúsculas. Do Metro1

Investigação do governo Bolsonaro aponta indício de fraude de secretário de Doria


Foto: Divulgação

Investigação preliminar realizada pela corregedoria do Ministério do Turismo, do governo Bolsonaro, resultou em relatório que aponta suspeita de que o ex-ministro da pasta e hoje secretário do governo João Doria (PSDB), Vinicius Lummertz, tenha participado de ação fraudulenta no apagar das luzes da gestão Michel Temer (MDB), de acordo com o jornal Folha de S. Paulo.

O relato foi formalizado em despacho assinado em 21 de março deste ano pelo então corregedor da pasta, Nilton Carlos Jacintho Pereira, e obtido pela reportagem via Lei de Acesso à Informação. De acordo com o documento, apurações preliminares da corregedoria confirmaram indícios de “graves condutas” praticadas pela pasta, que resultaram na anulação quase completa de pareceres que visavam a recuperar cerca de R$ 20 milhões para os cofres públicos.

O ministério baixou uma portaria criando uma comissão para reavaliar pareceres que reprovavam integral ou parcialmente sete convênios firmados pela pasta entre os anos de 2006 e 2010, no governo Lula (PT). Nos dois meses seguintes, três servidores designados para a comissão produziram pareceres revisando praticamente todas as conclusões anteriores, reduzindo a determinação de ressarcimento aos cofres públicos de R$ 21,5 milhões (em valores não corrigidos) para apenas R$ 19 mil. Do Metro1

Natal Solidário de Itagi


A Prefeitura de Itagi, em parceria com comerciantes e colaboradores da cidade, realizou na última segunda-feira (23/12), na Praça São José, a entrega de mais de 300 cestas básicas de Natal para famílias carentes do município. A ação visa contribuir para as comemorações de final de ano das pessoas com poucas condições financeiras. Ao todo 350 cestas básicas foram entregues para as famílias carentes. “Para o Prefeito Dr. Olival Andrade, a entrega das cestas às famílias simboliza o compromisso da gestão com essas famílias que se encontram em vulnerabilidade social do município”. “Fiz questão de estar na entrega das cestas e poder desejar um Feliz Natal e um próspero Ano Novo para essas famílias”, ressaltou.

Bolsonaro busca partido para lançar Datena candidato a prefeito de São Paulo


Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro busca um partido para lançar o apresentador da TV Band, José Luiz Datena, candidato a prefeito de São Paulo, já que o Aliança Pelo Brasil não deve ficar pronto antes da eleição.

Segundo o jornal Valor Econômico, há dificuldades para encontrar um partido grande que abrigue o jornalista. O Republicanos tem compromisso prévio com seu deputado mais bem votado, Celso Russomanno, que terá preferência para escolher entre ser candidato novamente, ser vice ou ficar de fora da eleição.

No MDB, a preferência é por integrar a chapa que irá tentar reeleger Bruno Covas. E o PSD já tem candidato lançado, o ex-vereador Andrea Matarazzo. O jornalista tem dito a interlocutores nos partidos que desta vez é para valer, que está de fato disposto a concorrer à prefeitura.

Por ora, a opção mais factível para Datena é o MDB. O partido tende a apoiar Covas à reeleição. A vice na pré-candidatura do tucano está em aberto e interessa ao MDB. Mas as discussões sobre o nome do vice só vão começar quando o quadro político estiver definido.

Lula é convidado a participar da Lavagem do Bonfim, em Salvador


Foto: Ricardo Stuckert

O diretório estadual do PT da Bahia formalizou um convite ao ex-presidente Lula para que ele participe da Lavagem do Bonfim, em Salvador, no próximo ano.

“A presença de Lula na Bahia é sempre motivo de orgulho para todo povo baiano, e contar com sua participação nesta importante data, ao lado dos companheiros Jaques Wagner e Rui Costa, certamente significará mais ânimo e alegria para nossa militância petista”, afirmou, em nota, o presidente da sigla na Bahia, Éden Valadares.

Em 2020, o cortejo religioso ocorrerá no dia 16 de janeiro, com saída do prevista para às 8h, na Igreja da Conceição da Praia, na Cidade Baixa.

O ex-presidente esteve em Salvador em 14 de novembro, logo após sair da Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba, depois da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que declarou inconstitucional a prisão após condenação em segunda instância. Do Metro1

Decreto de Bolsonaro extingue mais de 14 mil cargos no governo


Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que extingue 14.227 cargos efetivos vagos e que vierem a vagar dos quadros de pessoal da administração pública federal. O ato, assinado na sexta-feira (20), também proíbe a abertura de concurso público e o provimento de vagas adicionais.

No grupo de cargos vagos e que vierem a vagar, serão extintos 9.742 deles, em áreas como Previdência, Saúde, Trabalho, Meio Ambiente, Cultura, Educação, Polícia Rodoviária Federal, Seguro Social,  Polícia Federal e Fazenda. Entre os cargos estão os de auxiliar de laboratório, cartógrafo, desenhista, guarda de endemias, laboratorista, microscopista e técnico em cartografia.

De acordo com o portal Congresso Em Foco, parte do número total de postos previsto para ser extinto, no entanto, ainda está ocupado, e as vagas indicadas devem permanecer em funcionamento até que os atuais funcionários deixem suas posições. O restante, que soma 14.227 empregos, poderá ser extinto na data indicada no documento.

Confira a lista completa no decreto.

Governador atende pedido de Zé Cocá e Jequié terá complexo poliesportivo e educacional


Foto: Reprodução

O deputado estadual Zé Cocá (PP), agradeceu ao governador Rui Costa a decisão, publicada no Diário Oficial desse sábado (21) de implantar 20 Complexos Poliesportivos e Educacionais em vários municípios. Uma das primeiras cidades contempladas será a de Jequié, resultado do trabalho desenvolvido pelo deputado Zé Cocá visando qualificar a educação na região. “Fico muito feliz com essa notícia de fim de ano. É um belo presente para a população de Jequié”, disse Cocá, destacando a atenção que o governador Rio Costa tem dedicado ao município.

A ação é da Secretaria da Educação do Estado (SEC), que anunciou a licitação para a implantação dos primeiros cinco complexos, contemplando Jequié. Os equipamentos serão dotados de infraestrutura para a prática das diferentes modalidades esportivas e equipamentos como ginásio de esportes, piscinas, campos de futebol e pista de atletismo.