Lajedo do Tabocal: Dia 08 de setembro Programa Jesus é a Única Esperança comera 19 anos


Foto: Colagem/reprodução

Dia 8 de setembro, comemora 19 anos do Programa Jesus é a Única Esperança (PJE) no Clube Social em Lagedense. É esperado um grande público para mais este culto em ações de graças pela existência deste meio de evangelização, desde 1999.  O programa vem trazendo o melhor da música gospel, declarando que jesus é a única esperança.

Vem aí a Festa da Mamona no AABB em Maracás


Dia 03 de março acontece a Festa da Mamona no AABB na cidade de Maracás, com Dio Lopes, Yara Lazuli, Gabriel Fidelis. O grande nome do evento é “Amado Basylio”. Você pode adquirir o seu ingresso na Barraca do Marcelo, Panificadora Suprema, Casa das Embalagens, Panificadora Maracaizinho e Supermercado WS. A realização fica por conta da LB Produções.

Beija-Flor é a campeã do Carnaval 2018 no Rio de Janeiro


Com enredo sobre “monstruosidades” e estrelas em destaque, a escola de Nilópolis agitou a Sapucaí falando de problemas sociais

Última escola a desfilar pelo Grupo Especial do Rio, a escola fechou o “Carnaval dos protestos” com ativismo do começo ao fim. Com o enredo Monstro É Aquele Que Não Sabe Amar – Os Filhos Abandonados Da Pátria Que os Pariu, a escola propôs um paralelo entre a obra Frankenstein, de Mary Shelley, que está completando dois séculos, e a história do Brasil.

O grêmio de Nilópolis cantou contra a corrupção, a violência, a intolerância religiosa, e outros problemas sociais. O desfile contou com foliões vestidos de vampiros para representar o governo – a Paraíso do Tuiuti, a segunda colocada na classificação geral, associou a figura mitológica ao presidente Michel Temer -, além de ratos e “lobos em pele de cordeiro” no papel de políticos. A escola também reproduziu cenas de violência nas favelas cariocas e as constantes mortes de moradores e policiais.

Beija Flor trás cenas de violência nas favelas cariocas e as constantes mortes de moradores e policiais

 

Desfile da Beija-Flor exibe político corrupto em suas alegoria na segunda noite de desfiles do Carnaval carioca – 13/02/2018 (Mauro Pimentel/AFP)

As escolas rebaixadas foram Grande Rio e Império Serrano, que no ano que vem desfilarão na Série A.

O último quesito foi Samba-Enredo, que avalia a letra e a melodia do samba. Confira o resultado final:

1º Beija-Flor – 269,6

2º Paraíso do Tuiuti – 269,5

3º Salgueiro – 269,5

4º Portela – 269,4

5º Mangueira – 269,3

6º Mocidade Independente de Padre Miguel – 269,3

7º Unidos da Tijuca – 269,1

8º Imperatriz – 268,8

9º Vila Isabel – 268,1

10º União da Ilha – 267,3

11º São Clemente – 266,9

12º Grande Rio – 266,8

13º Império Serrano – 265,6

 

Em São Paulo Acadêmicos do Tatuapé levou o titulo de campeão do carnaval 2018. O título só foi garantido na apuração da última nota do último jurado, e pelos critérios de desempate: a escola ficou com a mesma pontuação da Mocidade Alegre, Mancha Verde e Tom Maior (270 pontos), mas teve melhor desempenho no quesito alegoria. Veja.Abril

Dia 10 Itagi completa 57 anos de Emancipação Política


Aniversário de Itagi

Domingo dia  (10), o município de Itagi, no centro-sul baiano, completa 57 anos de emancipação política. Possui uma riqueza cultural e lindas paisagens naturais que atraem muitos turistas como também é muito conhecida pela consagrada festa de São Pedro. O nome da cidade vem do tupi, que significa, rio de pedras, em referência ao Rio das Pedras , que banha a região. Fonte: Ascom

Dia das Crianças foi de muita festa em Maracás


Dia das Crianças em Maracás (Foto: Ely Morais/Blog do Ely Morais)

Muita festa, muita alegria e muita emoção no Dia das Crianças em Maracás. Com inicio às 14h, a festa só teve fim no inicio da noite. A Praça Rui Barbosa no Centro da cidade estava totalmente tomada pelos baixinhos que vieram acompanhados para curtir o dia que era só deles e claro os grandões também aproveitaram para se divertirem, voltando ao tempo de criança. O tema do evento foi, “Tempo de Criança”, trazendo apresentações culturais, brinquedos infláveis, lanches e muitas brincadeiras, para homenagear ás crianças maracaenses e aquelas que estavam passando ou visitando Maracás.

A alegria estava estampada no rosto de cada criança e de quem as levou. A primeira-dama e secretária de Assistência Social Agnolia Galvão (Guida), chegou cedo à praça para receber às crianças e abraça-las por este dia tão importante “Dia das Crianças”. O prefeito Soya (PDT), estava ao lado da família e homenageando as crianças pelo o seu dia. A realização do evento foi da CMDCA, em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), Prefeitura Municipal, Largo Resources Vanádio de Maracás e comerciantes. Quem esteve no evento elogiou e muito a organização que foi de ponta.

Prefeito Soya, a família e Erica da Largo (Foto: Ely Morais/Blog do Ely Morais)
Foto: Ely Morais/Blog do Ely Morais

Prefeitura de Itagi vai está realizando festa em homenagem ao Dia das Crianças


Toda Criança tem o direito de ser valorizada, respeitada e amada! Por essas razões, que a prefeitura Municipal de Itagi, através da Secretaria do Trabalho e Bem Estar Social, vai realizar neste sábado (14), a partir das 02h da tarde, grande festa para a criançada, na Praça São José.  O evento conta com o lançamento do Programa Criança Feliz do Governo Federal, e comemoração ao Dia das Crianças. Vai ser apresentados, projetos do CRAS, muitas brincadeiras, oficinas de leitura, show de palhaços, show coreográfico, apresentação com maior mágico ilusionista da Bahia, parque e lanches inteiramente grátis para a garotada. Fonte: ASCOM

Achiles é o melhor intérprete em shows da Bahia, segundo Prêmio Caymmi


Foto: Reprodução

Achiles ganha prêmio de Melhor Intérprete Masculino pelo show “Divino e Ateu” no Prêmio Caymmi de Música 2017

Foi realizada  no Teatro Castro Alves, em Salvador, a segunda edição do Prêmio Caymmi de Música. Mais de 100 artistas, produtores e trabalhos concorreram em 22 categorias. Esta edição homenageou ainda o movimento Tropicália e teve como slogan a frase “Não somos um movimento de música, somos a música em movimento”.

Achiles ganhou o prêmio de Melhor Intérprete Masculino na categoria Show, pela apresentação “Divino e Ateu”, seu primeiro trabalho solo, depois do projeto CAIM – Ciência, Arte, Ideologia e Música. Natural de Maracás (BA), o cantor e compositor também havia sido indicado na categoria Música com Letra: Intérprete Masculino, com o single “Mar de Refrigerante”, que acabou indo pro baiano Giovani Cidreira.

“É muito importante pra mim ser do interior da Bahia receber um prêmio como esse e evidenciar que a música baiana vai além da capital do estado. Eu como representante do interior, estou aqui hoje fazendo valer os meus amigos que estão lá e que também precisam ser vistos por vocês. Então, eu ofereço esse prêmio ao interior da Bahia e aos meus pais que estão aqui presente. Salve Maracás e Vitória da Conquista!”, disse ao receber o troféu.

Achiles participou ainda do “Bandão Caymmi”, ao lado de nomes da música baiana contemporânea como Saulo, Aiace Félix, Filipe Lorenzo, Flavia Wenceslau, Kalu, Lívia Nery e as bandas Pirombeira e Tabuleiro Musiquim. Revezando-se no palco, eles fizeram um show que teve como base o disco icônico Tropicália ou Panis et Circenses, lançado no auge do movimento, em 1968.

SHOW

– Melhor Show –
Duo BAVI
Filipe Lorenzo
Pirombeira
Sertanília
Skanibais

– Intérprete masculino –
Achiles
Silvio de Carvalho (Tabuleiro Musiquim)
Kalu (Kalu / Forró da Gota)
Teago Oliveira (Maglore)
Filipe Lorenzo

– Intérprete feminino –
Aiace
Flávia Wenceslau
Livia Nery
Luedji Luna
Renata Bastos

– Instrumentista –
Alan Vilas Boas – bateria (Gazumba, Suinga, Tabuleiro Musiquim e Tutano)
Aline Falcão – teclado e sanfona (Danilo Fonseca e Pirombeira)
Flaviano Gallo – bateria (Santini & Trio)
Jr Maceió – sax (Jr Maceió)
Livia Nery – live eletronics (Lívia Nery)

– Direção Artística –
Alexandre Lins (Skanibais)
Jackson Costa (Celo Costa)
Larissa Luz (Larissa Luz)
Marivaldo dos Santos e Fernanda Mello (Quabales)
Talis Castro e Daniel Farias (Filipe Lorenzo)

– Direção Musical –
Bira Marques (Nara Couto)
Anderson Cunha (Sertanília)
Grupo Pirombeira (Pirombeira)
Átila Santana, Fabrício Mota e Jorge Dubman (IFÁ)
Paulo Mutti (Filipe Lorenzo)

– Destaque Técnico –
Caji – Sonorização (Thiago Trad)
Fred Alvin – Iluminação (Caian, Caru, Coletivo Aldeia Cênico, Danilo Fonseca, Filipe Lorenzo, Pietro Leal e Três Um Só)
João Pucci – VJ (Laia Gaiatta)
Maurício Pedrosa – Cenografia (Aldeia Coletivo Cênico)
Zuarte Jr – Cenografia (Celo Costa)

– Produção –
Humberto Vale “Curujito” (Skanibais)
Diana Pinto, Mariana Damásio, Marina Fonseca e Marry Rodrigues (Aldeia Coletivo Cênico)
Multi Planejamento (Pirombeira)
Vinícius Calmon (Caian)
Edmilia Barros (Filipe Lorenzo)

– Revelação –
Africania
Caian
Duo BAVI
Lívia Nery
Luedji Luna

– Banda –
Santini & Trio
Tabuleiro Musiquim
IFÁ
Pirombeira
Skanibais

– MELHOR MÚSICA (COM LETRA) –
“Branco” (Ubiratan Marques) Orquestra Afrosinfônica
“Forte, Valente Coração” (Luã Almeida Pereira, Diego Cardoso Azevedo, Jackson
Almeida Pereira e Vinícius Cerqueira Mendes) Baiano Mundo
“Instante Pra Se Lembrar” (Ian Cardoso) Pirombeira
“Ode à Ilusão” (Carlos Henrique Araujo Silva) Carlos Henrique Araújo Silva
“Vulcanidades” (Lívia Nery) Lívia Nery

– MELHOR MÚSICA INSTRUMENTAL –
“Amálgama” (Luã de Almeida Pereira) Luã Almeida
“Bons Ventos” (Jana Vasconcellos) Jana Vasconcellos
“Cadê o Bongô?” (Gabriel Arruti) Pirombeira
“Giro do Sol” (Raoní Maciel) Raoní Maciel
“Trezena” (Alex Mesquita) Alex Mesquita

– Intérprete vocal masculino –
Achiles “Mar de Refrigerante”
Artur Carneiro (Kromosons Brazil) “Maya”
Diego Oliveira (Benjamin Existe) “Spark”
Giovani Cidreira “Um Capoeira”
Kalu “No Afeto”

– Intérprete vocal feminino –
Flavia Wenceslau “Por Uma Folha”
Karol Guaitolini “Hoje”
Larissa Luz “Meu Sexo”
Lívia Nery “Vulcanidades”
Suzana Bello “Força da Geração”

– Intérprete instrumental –
Ivan Sacerdote – Clarineta “Guararapes” (Daniel Neto)
Jana Vasconcellos – Violão “Bons Ventos” (Jana Vasconcelos)
Luis Fernando “Louis” Melo – Bateria “Incerto Adeus” (Drearylands)
Páris Menescal – Guitarra solo “Incerto Adeus” (Drearylands)
Raoní Maciel – Violão “Cadê João?” e “Giro do Sol” (Raoní Maciel)

– Arranjo –
Ubiratan Marques “Branco” (Orquestra Afrosinfônica)
Raoní Maciel “Cadê João?” (Raoní Maciel)
Aiace e Paulo Mutti “De Qualquer Maneira” (Aiace)
Grupo Pirombeira “Instante Pra se Lembrar” (Grupo Pirombeira)
André Magalhães “Maya” (Kromosons Brazil)

– Produção Musical –
André Luis Magalhães Costa Pinto “Maya” (Kromosons Brazil)
Luã Almeida “Forte, Valente Coração” (Banda Baiano Mundo)
Larissa Luz, Pedro Tie, Jr Tostoi e Pedro Itan “Meu Sexo” (Larissa Luz)
Vicente Fonseca “Amor de Pavarotti” (Gepetto)
Rafa Dias e Lívia Nery “Vulcanidades” (Lívia Nery)

– MELHOR VIDEOCLIPE –
“Bonecas Pretas” – Larissa Luz
“Canto Africano” – Raquel Monteiro
“Kamikase” – Dario Nunes Moreira
“Modo Hard” – Circo de Marvin
“Um Corpo no Mundo” – Luedji Luna

– Direção –
Egon Costa “Antes do Fim” (Semivelhos)
Glauco Neves e Bruno Souri “Modo Hard” (Circo de Marvin)
Glauco Neves e Rodrigo Hohlenwerger “Bonecas Pretas (Larissa Luz)
Joyce Prado “Um corpo no mundo” (Luedji Luna)
Luan Andrade “Kamikase” (Dario Nunes Moreira)

– Fotografia –
Carlos Faria “Ela Diz” (Gepetto)
Egon Costa “Antes do Fim” (Semivelhos)
Elísio Lopes Jr “Linda e Preta” (Nara Couto)
Luan Andrade “Kamikase” (Dario Nunes Moreira)
Pablo Moreno Pires “Canto Africano” (Raquel Monteiro)

– Produção –
Adriano Ribeiro “Modo Hard” (Circo de Marvin)
Bori Filmes/ Igo Pereira “Prisma” (Vivendo do Ócio)
Iago Sarmento/ Alexandre Pires “Kamikase” (Dário Nunes Moreira)
Nzinga Produções “Bonecas Pretas” (Larissa Luz)
Semivelhos “Antes do Fim” (Semivelhos)

– Roteiro –
Bruno Souri “Modo Hard” (Circo de Marvin)
Luan Ragedo “Kamikase” (Dario Nunes Moreira)
Fabrício Barreto e Fábio Shiva “Abdução de Endubsar” (Mensageiros do Vento)
Márcio Gurgel “Grande Gandhy” (Dó Ré Mi Lá)
Max Gaggino “O Racismo Mata” (Os Agentes)

Fonte: revistagambiarra

Filme “O Nó” Ato Humano Deliberado é tema de debate em Itagi


Foto: ASCOM

A região cacaueira baiana sofreu uma grande catástrofe com a implantação e disseminação da doença da vassoura-de-bruxa. A infecção causou um desequilíbrio econômico, ambiental e por consequência provocou o êxodo rural. Pessoas saíram do campo, perderam a moradia e o posto de trabalho, contribuindo com o inchaço das cidades e o aumento da violência. Em contra partida, a ausência do Estado para sanar a crise foi um dos fatores que contribuíram para a crise do cacau. O filme O Nó, Ato Humano Deliberado, faz um retrospecto histórico mostrando como ocorreu a implantação e disseminação da vassoura-de-bruxa na Bahia. E este fato é considerado como um ato de terrorismo. O filme possui duração de 70 minutos e é composto de relatos de agricultores, pesquisadores e provas que demonstram que a doença da vassoura de bruxa foi um ato criminoso.

Exibição

Para comemorar o dia do agricultor, o Secretário de Agricultura de Itagi, Adailton Pereira, convidou o ipiauense, Dilson Araújo, para apresentar o filme para a comunidade e debater o assunto. A exibição aconteceu na noite de Sexta-feira (28), na Câmara de Vereadores do município e contou com a presença de Estudantes, professores e autoridades locais. “Foi muito bom, precisamos abrir a mente das pessoas que não conhecem a história do cacau, esse filme deveria ser apresentado em toda a região, todos os municípios deveriam ter o privilégio de assistir o filme. Os agricultores também precisam ver para desmistificar e saber de onde veio a doença da vassoura de bruxa” pontuou o Adailton. Na ocasião, o Vice-Prefeito Manoel Gomes (conhecido como Coelho), relatou que o encontro foi muito importante para valorizar o homem do campo. “O homem do campo precisa ser valorizado, pois sem ele, as pessoas da cidade não comem. E o encontro de hoje foi para demonstrar a importância de valorizar o trabalhador do campo e preservar a história de uma época de criação pura do trabalhador rural” relatou Manoel.

Educação e história

O professor de história de Itagi, Ricardo Moraes, também participou do evento e ainda passou atividade escolar para os alunos.
“Quando fui convidado para participar pensei em trazer meus alunos para prestigiarem o evento. E também passei uma atividade para eles, fazer um relatório do filme e expressar uma opinião sobre o que acharam” frisou Ricardo.
Ricardo ainda complementou que o filme “foi muito relevante resgatando o aspecto histórico-cultural. Um trabalho bem elaborado para mostrar o ato impensado e criminoso da vassoura de bruxa”.
Também participaram do evento as Secretárias de Saúde e Educação, Luma Sheila e Maria Gorete, o Secretário de Administração, Saulo Soledade e o Diretor de Comunicação Elton Bispo. Fonte: ASCOM/Vicente Andrade

Grande festa de São Pedro no povoado de São Pedro neste sábado em Lajedo do Tabocal


Segunda Noite do São João de Lajedo do Tabocal 2017
Festa de São Pedro no povoado de São Pedro com: Elmo Santana o Cantor do Povo, Tony Nardes, Gilssan, Gean Vaqueiro e Roque Sanfoneiro

A tradição da festa de São Pedro no povoado de São Pedro no município de Lajedo do Tabocal continua. Neste próximo sábado (15), acontece mais uma edição do evento que já vem há anos. Organizada pela comunidade do próprio povoado, o evento conta com o apoio da Câmara Municipal, prefeitura e LT FM, para a realização deste ano.

Para alegrar a noite dos foliões estarão se apresentando no palco; Elmo Santana o Cantor do Povo, um dos destaque do São João deste ano no sudoeste baiano, Tony Nardes, Gilssan, Gean Vaqueiro e Roque Sanfoneiro. Além doas atrações musicais também haverá apresentação de Quadrilha Junina. Os organizadores esperam um grande publico para este evento, devido o crescimento que vem acontecendo ano, após ano.