Combate ao mosquito que transmite a dengue zika e chikungunya em Itagi é incessante


O Aedes aegypti, conhecido como o mosquito da dengue, é responsável também pela transmissão da zika e chikungunya. Essas três doenças são transmitidas pela picada desse inseto e a principal forma da população evitar o contágio é eliminar água acumulada nos quintais e terrenos baldios, além de vedar os reservatórios de água.

Você sabia que a equipe do Departamento de Endemias visita, de dois em dois meses, 100% dos domicílios da cidade de Itagi? O trabalho dessa equipe é, nessas visitas, tratar os depósitos de água das residências e inspecionar terrenos baldios, quintais, depósitos de reciclagem de resíduos sólidos e ferros velhos.

A equipe de endemias também realiza um trabalho de educação com a comunidade, explicando que manter abrigados da chuva pneus, garrafas, sucatas e bebedouros de animais; vedar caixas d’água, tambores, tanques, cisternas e poços artesianos; colocar areia em pratos e vasos de plantas para evitar o acúmulo de água; limpar calhas e ralos; não jogar lixo em terrenos baldios; colocar o lixo em sacos plásticos e manter a lixeira sempre bem fechada são ações que impedem a proliferação do mosquito da dengue.

A equipe de endemias de Itagi ainda solicita da comunidade que faça sua parte, para que juntos eliminem esse mosquito de suas vidas.

Mais uma estrada concluída em Itagi


Foto: ASCOM/PMI

Os trabalhos de recuperação das estradas vicinais seguem em ritmo acelerado no município de Itagi. A estrada de acesso à região do Brejo foi totalmente encascalhada e já está pronta. As máquinas já estão na estrada que liga Itagi à Palmeira do Oriente Novo, realizando a recuperação e o encascalhamento.

O compromisso de restauração das estradas, firmado entre o prefeito Olival Andrade e os moradores das regiões beneficiadas, se mantém e essas obras são acompanhadas de perto pelo próprio prefeito.  A Prefeitura continua trabalhando para garantir, cada vez mais, a mobilidade rural no município.

Anac suspende atividades de empresa dona de helicóptero que levava Boechat


Foto: Reprodução/TV Globo

A empresa RQ Serviços Aéreos, dona do helicóptero que levava o jornalista Ricardo Boechat e caiu nesta segunda-feira (11), teve as atividades suspensas pela Agência Nacional de Aviação (Anac). De acordo com o órgão, suspensão é de caráter cautelar e as aeronaves da empresa foram interditadas por indícios de prática irregular de táxi-aéreo.

A decisão foi publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (13). A investigação foi iniciada ainda na segunda-feira (11), a fim de constatar  o tipo de serviço que estava sendo prestado com a aeronave que levava Boechat.

Conforme apurado pela Folha de S. Paulo, a empresa era autorizada a prestar serviços especializados, como aerofotografia e aero cinematografia, mas não para transporte de passageiros.

Rio Branco tem uniformes furtados antes de enfrentar o Bahia; clube conseguiu reposição


Foto: Reprodução/O Alto Acre

Adversário do Bahia pela primeira fase da Copa do Brasil, o Rio Branco-AC teve alguns uniformes furtados no último sábado (9). Com isso, o clube acreano não teria material suficiente para entrar em campo contra o Esquadrão, na noite desta quarta-feira (13), às 22h30, na Arena da Floresta.

No entanto, o modelo era antigo e serviria apenas de plano B, caso a linha atual não tivesse chegado, fato que ocorreu nesta quarta, deixando o clube apto para a partida. Em entrevista ao Bahia Notícias, o diretor do Rio Branco, Getúlio Júnior, afirmou que não haverá problema para a partida.

“Algum drogado invadiu nossa rouparia e levou o uniforme antigo e mais quatro chuteiras da base. Era o plano B, pois estávamos aguardando chegar o novo modelo, que demorou quatro dias em Brasília. Conseguimos receber hoje, e não teremos problema para o jogo”, disse.

Para se classificar, o Rio Branco precisa vencer a partida. O Esquadrão de Aço tem a vantagem do empate por atuar fora de casa.

Vídeo mostra acidente com helicóptero que matou jornalista Ricardo Boechat


Foto: Reprodução

Um vídeo feito por câmeras de segurança mostra o acidente de helicóptero que matou o jornalista Ricardo Boechat. O acidente aconteceu nesta segunda-feira (11) na Rodovia Anhanguera, em São Paulo.

O vídeo, fornecido pela Polícia Civil, mostra a aeronave perdendo força e descendo. Além de Boechat, o acidente matou também o piloto Ronaldo Quattrucci.

Jornalista Ricardo Boechat morre após queda de helicóptero


Foto: Divulgação

O jornalista Ricardo Boechat morreu, nesta segunda-feira (11), na queda do helicóptero que caiu no Rodoanel em São Paulo. A informação foi confirmada pelo governo do estado.

Boeacht tinha 66 anos e trabalhava no Grupo Bandeirantes de Comunicação, como âncora do Jornal da Band e na rádio BandNews FM. Antes, passou pelo O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil. Além do jornalista, o Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do piloto da aeronave carbonizado. Do BN

Estudantes de Itagi encontrarão escolas reformadas e equipadas na volta às aulas


A Escola Municipal Almerinda Catarino em Itagi está em fase de conclusão da reforma e limpeza, para receber os alunos para mais um ano letivo. A Secretaria de Educação tem realizado, em vários ambientes escolares do município, limpezas das áreas verdes, pinturas, substituição de móveis escolares (notadamente carteiras e cadeiras), reparos diversos e aquisições de novos equipamentos escolares.

Esposa do ex-prefeito de Iramaia Dodinha morre apos carro cair de uma ponte


Foto: Reprodução

Um grave acidente aconteceu nesta manhã na estrada vicinal que liga os município de Iramaia a Ibicoara. Segundo informações, a caminhonete caiu de uma ponte que fica entre o povoado do Jequi, em Iramaia, e o município de Ibicoara na Chapada Diamantina.

No veículo estava a esposa do ex-prefeito de Iramaia, Dodinha, que foi socorrida para o Hospital Susy Zanfretta em Barra da Estiva mas não resistiu e veio a óbito devido a traumatismo craniano.

A filha de Dodinha também estava no veículo, teve fraturas mas o estado de saúde é estável. Outra vítima é o motorista que teve ferimentos mas passam bem, segundo as primeiras informações recebidas pelo site Capital da Chapada.

Prefeitura de Itagi faz manutenção da frota municipal do transporte escolar


Foto: ASCOM/PMI

A Secretaria de Educação e Cultura está trabalhando, a todo vapor, para dar início ao ano letivo de 2019, com a qualidade que os estudantes municipais merecem.

A frota municipal do transporte escolar (os chamados ônibus amarelos) está passando por serviços de manutenção preventiva e revisões obrigatórias, para que estejam cem por cento confiáveis para o serviço diário do transporte dos alunos.

No dia de hoje chegaram dois ônibus da frota, prontos para o início dos trabalhos e um terceiro foi deixado na oficina para a realização de manutenção e revisão. A frota estará totalmente pronta para ser usada no início deste ano letivo.

Prefeitura de Itagi segue com serviços de revitalização de estradas vicinais do município


Foto: ASCOM/PMI

Estradas vicinais são estradas que ligam dois lugares próximos, na maioria das vezes não são asfaltadas e ficam bastantes danificadas em determinadas épocas do ano, quando as chuvas são mais intensas.

A manutenção da maioria das principais estradas vicinais de Itagi, é de inteira responsabilidade do governo estadual, que historicamente não faz, ou raramente faz, a sua devida manutenção.

As estradas vicinais são muito importantes para o escoamento de produtos agropecuários, transporte de materiais de construção e de diversos materiais, transporte de pessoas adoentadas ou acidentadas, transporte de alunos , além do fluxo normal de pessoas.

A atual gestão está trabalhando pesado para garantir uma condição aceitável de tráfego em nas estradas vicinais do município. A exemplo da estrada da localidade do Brejo já está concluída, a estrada que liga Itagi à Palmeira do Novo Oriente está em obras, assim como a estrada que nos leva à Jussara.

Faltam ainda as estradas da cidade Itagi a Itapiragi, Ponto Novo e Pau Brasil. A prefeitura está empenhada em dar uma maior trafegabilidade às estradas do município.  Assim que as máquinas terminarem os trabalhos em uma estrada serão levadas para iniciar os trabalhos em outra. É compromisso da gestão com a população que precisam trafegar.